Pavimento de concreto seus passos

11 de setembro de 2013

Planejamento da execução é fundamental para garantir pisos planos e sem fissuras que comprometam o desempenho do sistema

Reportagem: Heloisa Medeiros 



Os pisos de concreto para áreas com grandes exigências de resistência e durabilidade, como indústrias, shoppings, hipermercados, estacionamentos, galpões e postos de gasolina, entre outros, devem ter projeto e execução rigorosos. Conhecidos como pisos industriais ou de alto desempenho, necessitam de profissionais especializados em sua execução, com conhecimento técnico e equipamentos adequados para um trabalho de qualidade.

O projeto de um piso de alto desempenho deve considerar, principalmente, o terreno e uso que o piso terá, a distribuição de cargas e a exposição a agentes agressivos (físicos, químicos, etc.), entre outras condições. Entre as informações disponíveis no projeto estão os esquemas de compactação do solo, as características do concreto e sua espessura, os índices de planicidade e nivelamento, inclinações, tipo de armadura e seu correto posicionamento e a localização das juntas e das barras de transferência.

O projetista especifica ainda a sub-base adequada (concreto magro, solo-cimento ou brita de diferentes tamanhos), a instalação de barreira contra a umidade do solo, o tipo de cura e os meios de proteção contra os agentes agressivos.

O piso de alto desempenho também pode ter algum tipo de revestimento, de acordo com as necessidades. Dessa maneira, o acabamento do piso de concreto pode ser executado com adição de agregados minerais, camada de epóxi, poliuretano, ou até mesmo revestimentos cerâmicos. O projetista irá especificar o revestimento de acordo com as exigências necessárias, como a resistência à abrasão, a cargas concentradas, a ataques químicos, entre outras.


Depois de tudo definido, é de fundamental importância estabelecer um plano de concretagem, que deve considerar o horário de início e término de cada etapa, o volume diário de concreto, a eventual utilização de bomba, o intervalo entre os caminhões e o impacto no sistema viário local. O processo deve ser muito bem analisado e planejado.

A execução de pisos industriais deve ser feita por mão de obra especializada. Réguas vibratórias, acabadoras de superfície ou helicópteros e serras de cortar pisos são alguns equipamentos operados por esses profissionais. Tomados todos esses cuidados, do projeto à execução, é possível evitar problemas de fissuração do concreto, minimizando a maioria das patologias que ocorrem neste tipo de piso.

ETAPAS DE EXECUÇÃO


Compactação do solo

O solo deve ser preparado e compactado de acordo com o especificado no projeto de fundações. Mas, antes, o recomendado é realizar sondagens para obter conhecimento prévio a respeito do terreno onde o piso será executado.







Preparação da sub-base

Executada com pedra e pó de pedra, com solo-cimento ou com concreto magro, a sub-base definida pelo projetista se baseia nos dados da sondagem e nas cargas que irá suportar. A presença da sub-base uniformiza o comportamento da fundação e aumenta a resistência, fazendo com que o pavimento e o solo funcionem como um conjunto, absorvendo as tensões decorrentes do uso.




Barreira de estanqueidade

Se for necessário evitar a umidade ascendente (que passa do solo para a superfície), será preciso utilizar lona plástica com, no mínimo, 200 micra de espessura entre o concreto e a sub-base. A lona permite ainda que o piso se movimente livremente sobre a sub-base. O ideal é que haja superposição de 30 cm nas emendas.



Concretagem

Para que o piso seja considerado de alto desempenho, o traço do concreto utilizado deve ter, no mínimo, 30 MPa de resistência à compressão e 4,2 MPa de resistência à tração. A vibração do concreto deve ser muito bem executada para eliminar o ar aprisionado e aumentar o adensamento, evitando a porosidade. Dependendo do projeto, a armadura do piso industrial pode ser protendida ou constituída por telas metálicas. Há casos, como o da foto, em que são utilizadas fibras metálicas e poliméricas (como polipropileno, polietileno, ou outras fibras plásticas) em substituição parcial às armaduras.



Planicidade e Nivelamento

Os índices de Planicidade (FF) e de Nivelamento (FL) devem atender às especificações de projeto. Eles definem quão plano ou inclinado deve ser um piso, de acordo com a utilização que ele terá durante sua vida útil. Pisos com índices de planicidade e nivelamento abaixo do recomendado poderão ser revestidos, sem prejuízo à aderência ou à resistência. Porém, as deficiências do nivelamento e da planicidade poderão aparecer.




Cura do piso de concreto

A cura pode ser úmida, feita com manta de feltro (tipo bidim), ou de material plástico (polipropileno), que deve ser frequentemente molhada. Ou ainda pode estar indicada a cura química, conforme as exigências de projeto. A cura química, no entanto, deve ser evitada quando o piso for receber revestimento, pois prejudica a superfície, dificulta sua preparação e preenche os poros que devem ser usados para ancorar a resina do revestimento de alta resistência.






Acabamento de superfície

O acabamento deve ser escolhido em função da utilização do piso. As acabadoras de superfície (helicóptero) são utilizadas na etapa final da execução. Recomenda-se deixar a superfície "rugosa" quando for necessário aumentar atrito, como em pátios externos de manobra. Se o piso tiver revestimento final não é necessário que a superfície seja rugosa, pois antes de ser revestida, a superfície do piso já deverá ter sido muito bem lixada, fresada, ou jateada, removendo a pasta de cimento aflorada e os resíduos da superfície gerados no processo de cura. Isso por si só garante a aderência do revestimento a uma base sólida e descontaminada. Não se deve molhar a superfície durante o acabamento, evitando assim a alteração do fator água-cimento.


Apoio técnico:Associação Nacional de Pisos e Revestimentos de Alto Desempenho (Anapre).

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários são muito bem vindos e importantes, mas assine com seu Nome/URL, onde trabalha e de qual estado/cidade você é.

 
Clube do Concreto | by TNB ©2010