Pedido de concreto

2 de setembro de 2013

Dimensões da fôrma permitem estimar o número de caminhões que vão entregar o concreto

Reportagem: Jamila Venturini
Marcelo Scandaroli
Ao se trabalhar com concreto dosado em central é importante detalhar bem o pedido para o fornecedor. Um cuidado fundamental é informar à empresa o volume exato de concreto que será utilizado.
Com um bom planejamento no momento de pedir o concreto industrializado, a obra diminui seus resíduos e economiza na compra e no descarte dos materiais. Além do fator econômico, uma empresa que está alerta a esses detalhes também colabora com o meio ambiente.
A quantidade de concreto que será utilizado em determinado serviço pode ser calculada a partir do volume das fôrmas, uma vez que elas serão totalmente preenchidas.
Veja abaixo como calcular o volume de concreto necessário para executar um radier de 15 cm de espessura e 300 m² de área sobre o qual será construído um edifício de três pavimentos.
Atenção

Apesar dos cuidados para evitar o desperdício de concreto, é importante prever eventuais perdas durante a concretagem. O cálculo das perdas pode variar de obra para obra e depende de fatores como equipe, equipamentos utilizados, entre outros. No geral, as construtoras trabalham com perdas de concreto da ordem de 3% a 5% do volume das fôrmas. Consulte sua empresa para saber o fator adotado e calcule o volume de perda. Esse valor deve ser acrescentado no total de concreto que será solicitado à central.
1) Antes de calcular o volume da fôrma do radier, primeiro iguale as unidades de medida: 15 cm = 0,15 m
2)Agora, calcule o volume da fôrma:
Volume da fôrma = Área x Altura
Volume da fôrma = 300 m² x 0,15 m
Volume da fôrma = 45 m³
3) São necessários, portanto, 45 m³ de concreto para fazer o radier. Como parte do material pode se perder no processo, recomenda-se pedir um pouco mais de concreto à central (neste exemplo, 3%):
Volume total de concreto = Volume da fôrma x 1,03
Volume total de concreto = 45 m³ x 1,03
Volume total de concreto = 46,35 m³
4) Considerando que um caminhão-betoneira transporta cerca de 7,5 m³ de concreto, calcule quantos caminhões são necessários para a concretagem.
Quantidade de caminhões = Volume de concreto/Capacidade do caminhão
Quantidade de caminhões = 46,35 m³/7,5 m³
Quantidade de caminhões = 6,18
Seriam necessários sete caminhões-betoneira: seis deles cheios e um com apenas 18% da capacidade, ou seja, 1,35 m3.
5) Para que o último caminhão não chegue à obra com tão pouco concreto, o volume dos dois últimos caminhões é distribuído igualmente: (7,5 m³ + 1,35 m³)/2 = 4,425 m³ = 4,5 m³
6) O pedido será de cinco caminhões de 7,5 m³ e dois caminhões com 4,5 m³.

Dica

Sabendo a capacidade de concretagem de sua equipe, planeje também o intervalo de chegada dos caminhões-betoneira, assim eles não ficarão parados por muito tempo até a entrega do concreto e não há risco de atrasos e do vencimento do material, que deve ser aplicado nas fôrmas em no máximo 150 minutos após ter recebido sua primeira adição de água na Central.

 
Clube do Concreto | by TNB ©2010