Como dobrar o vergalhão

Dobra de vergalhão Veja como escolher os pinos de apoio para executar corretamente o serviço, evitando causar trincas e fissuras nas barras de aço

Para cortar e dobrar vergalhões de aço em canteiro, é preciso seguir as recomendações da NBR 6.118:2007 - Projeto de Estruturas de Concreto e da NBR 14.931:2004 - Execução de Estruturas de Concreto.
No entanto, o especialista de produtos da ArcelorMittal Aços Longos, Antonio Paulo Pereira Filho, afirma que os erros mais recorrentes referem-se ao uso de pinos inadequados à bitola das barras.
Nas usinas, o material é submetido à avaliação com dobramento de 180º, de acordo com tabela de dobramento definida por norma. Depois do dobramento, o aço passa por inspeção para verificar se apresenta trincas ou fissuras. "Essa tabela é um pouco mais rigorosa do que a norma de projeto e execução, usada ao comprar barras lisas", conta Pereira.
Confira agora as melhores práticas e o que compromete o desempenho do material quando dobrado em canteiro:
ERRADO
As bancadas usadas em canteiro podem ser de madeira, mas esta apresenta problema no dispositivo que auxilia a dobra. Geralmente, eles são montados em uma placa pequena em aço e pregados na bancada. Com isso, não permitem a troca dos pinos para executar dobramentos de barras com bitolas diferentes, conforme exige a NBR 6.118:2007.


CERTO
Essas bancadas geralmente são encontradas em indústrias, embora possam ser usadas também no canteiro. Elas permitem a adequação do diâmetro do pino de dobramento conforme as bitolas das barras e fios.



CHAVES

ERRADO
É corriqueiro ver chaves adaptadas para puxar o vergalhão durante a dobra, como canos com a ponta amassada. Isso aumenta o risco de dobrar a barra no ponto errado, comprometendo seu uso.


CERTO
O correto é usar chaves de dobra, disponíveis no mercado em medidas correspondentes à bitola de cada vergalhão e que permitem a dobra na posição correta, conforme projeto.

0 Comments:

 
Clube do Concreto | by TNB ©2010