Conheça a importância dos aditivos superplastificantes para concreto

15 de setembro de 2020

 

O mercado da construção civil busca de forma constante novas tecnologias para melhorar a qualidade do concreto. Desde a antiguidade, as técnicas de produção e utilização do concreto passaram por diversas inovações e grande parte desta evolução deve-se ao uso de aditivos, sendo um dos principais os aditivos superplastificantes para concreto.

Os primeiros materiais utilizados como redutores de água foram os derivados de lignina ou lignosulfonados denominados primeira geração, a segunda geração são os produtos a base de naftalenos sulfonados e melaminas sulfonadas, que começaram a ser largamente utilizados nos anos 70, e a terceira geração de aditivos, são os poliéteres carboxilatos, os quais são moléculas desenvolvidas especialmente para interagir com aglomerantes em meio aquoso, são os mais utilizados atualmente.

O uso de aditivos está cada vez mais difundido devido à melhoria nas características do concreto associado ao custo benefício quando avaliado o custo final e não apenas o custo do aditivo. No Brasil, sua aplicação está cada vez mais comum em todas as regiões, tanto em empresas concreteiras como para fabricantes de pré-moldados em concreto.


Quais são os tipos de aditivos para concreto?

Existem vários tipos de aditivos para concreto: plastificantes, superplastificantes, redutores de água, controladores de hidratação, incorporadores de ar, modificadores de viscosidade, aceleradores, entre outros.

Segundo a NBR 11768:2011, os aditivos podem ser definidos da seguinte maneira:

Redutor de água: aditivo que não altera a consistência do concreto fresco e permite reduzir a quantidade de água no concreto, ou, que sem alterar a quantidade de água modifica a consistência do concreto. Definido como de pega normal quando não altera o tempo de pega.

Acelerador: Podem alterar a pega inicial, reduzindo o tempo de transição do estado plástico para o estado endurecido ou aumentar a resistência nas idades iniciais do concreto sem modificar a pega.

Retardador: Aumenta o tempo de transição do estado plástico para o estado endurecido do concreto.

Incorporador de ar: Aditivos que permitem incorporar ar durante o amassamento do concreto.

A norma também aponta a diferenciação entre aditivo plastificante e superplastificante para concreto de acordo com a redução de água de amassamento para se atingir determinado abatimento. Para os plastificantes a redução deve ser ≥ 5% em relação ao concreto de referência. Para os superplastificantes tipo I a redução de água deve ser ≥ 12%, enquanto que para os superplastificantes tipo II deve ser ≥ 20%.

 

Benefícios dos aditivos superplastificantes para concreto

Atualmente é difícil se pensar em produzir concreto sem a utilização de aditivo, uma vez que proporcionam excelentes melhorias nas principais propriedades do concreto, tanto no estado fresco, quanto endurecido. O objetivo principal dos aditivos superplastificantes para concreto é a redução acentuada da água na mistura de concreto, permitindo aumentar as resistências e a fluidez do concreto.
Veja outros benefícios com a utilização dos superplastificantes:

– Alterar a reologia do concreto em estado fresco, ou seja, aumentar a trabalhabilidade e diminuir a segregação;

– Ajustar o tempo de pega e de endurecimento do concreto – tanto retardar como acelerar conforme necessário;

– Aumentar a durabilidade do concreto mediante a resistência a ações físicas, ações mecânicas e ações químicas;

– Aumentar a resistência mecânica de concreto nas diferentes idades;

– Diminuir o custo do concreto, aumentando o rendimento, facilitando a colocação em obra e permitindo a retiradas de fôrmas em períodos mais curtos de tempo;

 

Como utilizá-los?

A forma de aplicação, dosagem e utilização dos aditivos superplastificantes para concreto deve ser definida através de testes prévios, pois é individual para cada situação. Recomenda-se que sejam realizados testes laboratoriais para analisar como o comportamento do aditivo varia de acordo com a dosagem, tipo de cimento e dos agregados, bem como com a temperatura ambiente e os processos de lançamento, adensamento, cura, etc.

Este cuidado é essencial para obtenção das propriedades desejadas, pois os aditivos podem apresentar algum efeito secundário, modificando outras propriedades no concreto.

A Tecnomor atua uma linha completa de aditivos superplastificantes para concreto de pega normal, aceleradores e retardadores. Quer conhecer um pouco mais sobre nossas soluções para artefatos de concreto? Entre em contato conosco e encontre a solução em aditivos e desmoldantes que você procura.

Informações de: https://tecnomor.com.br/blog/importancia-dos-aditivos-superplastificantes-para-concreto/

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários são muito bem vindos e importantes, mas assine com seu Nome, onde trabalha e de qual estado/cidade você é.

 
Clube do Concreto | by TNB ©2010