Determinação da Umidade - Speedy

8 de maio de 2013



1 – TITULO
            Determinação da umidade pelo método expedito "Speedy".
2 – OBJETIVO
            Este ensaio determina a umidade de solos e agregados miúdos pelo emprego do aparelho "Speedy", conforme o que preconiza a norma do DNER ME-52-64.
3 – EQUIPAMENTOS E MATERIAIS NECESSÁRIOS
  • Conjunto "Speedy".
  • Ampolas de carbureto de cálcio.
  • Amostra do agregado.

4 – DEFINIÇÕES
  • Nenhuma.


5 – VERIFICAÇÕES PRELIMINARES

    a)    Tipo do   material a ensaiar.
    b)    Data do material a ensaiar.

6 – PROCEDIMENTO
6.1 – Passo a Passo
  1. Determine uma quantidade de amostra de acordo com a umidade estimada.
  2. Coloque a amostra na câmara do aparelho "Speedy".
  3. Introduzam na câmara do aparelho duas esferas de aço.
  4. Cubra as esferas com a amostra.
  5. Introduza na câmara do aparelho a ampola de carbureto de cálcio, deixando deslizar com cuidado pelas paredes da câmara, a fim de evitar que se quebre.
  6. Feche o aparelho, baixando as presilhas ou apertando o parafuso obturador, conforme o modelo do aparelho.
  7. Agite o aparelho repetidas vezes, para que a ampola se quebre, o que se verifica através do surgimento de pressão acusada no manômetro.
  8. Leia a pressão e registre após esta pressão se acusar constante (o ponteiro não se move).
  9. Caso a leitura seja inferior a 0,2 Kg/cm2, o ensaio deverá ser repetido. Com amostra imediatamente superior ao empregado e se a leitura for maior que 1,5 Kg/cm2, repete-se o ensaio com uma massa imediatamente inferior.
       6.2 Resultados
  • Determine o teor de umidade em relação à massa da amostra seca usando a seguinte fórmula:
h = __h1__x100       h = Teor de umidade em relação à massa de amostra seca.
       100-h1               h1 = Teor de umidade em relação à amostra toda úmida determinada na tabela de aferição do aparelho.
6.3 Registros dos Resultados
  • Registrar em formulário próprio todos os dados relativos ao teor de umidade da amostra.
 
Clube do Concreto | by TNB ©2010